Feliz dias dos pais

Postado em: 18/08/2016

2001 foi quando vi meu pai pela última vez. Nasci em 1990 e convivi com ele até os meus 11 mas mesmo assim eu não tenho muitas lembranças dele, enfim fazem 15 anos né.

Tipo, minha mãe não tinha emprego em 2001, meu pai gerava praticamente toda a receita da casa. Ela largou a faculdade quando ela engravidou de mim e acho que se fudeu quando o banco que ela trabalhava faliu. Foi meio que eles se conheceram nessa época e tudo aconteceu ao mesmo tempo, sabe aquela história?

Meu pai não morreu viu? (Quer dizer não sei). Ele só deu tchau pra gente e foi pro Uruguai. Eu não contei antes mas ele nasceu lá e se não me engano tinha uma família lá também que ele meio que deixou pra vir pra cá. Longa história.

Mas enfim, ele foi embora pro Uruguai e deixou a minha mãe sem emprego, sem faculdade, sem carro e com dois filhos, um de 11 e um de 1 morando numa casa na Estrada da Costa Gama. Pra quem não sabe: a Costa Gama é longe. Passava dois ônibus lá na época e tinha horário.

A gente é criado pra esquecer e pra abafar os problemas. Não gritar. Pra não fazer fiasco. Pra ficar quietinho. Pros vizinhos não saberem. E foi isso que eu fiz. Foi isso que a gente fez. Ou tu acha que a minha família conversa de boa sobre isso?

O nome do meu pai é MIGUEL SANTIAGO SANCHEZ VOLPE e ele nunca mais entrou em contato com a gente desde 2001. Sem dar oi, nem tchau, feliz aniversário, parabéns filhão, feliz dia das mães e óbvio, nem sei porque to escrevendo isso de tão óbvio que é, sem pagar pensão.

Em tempos de Biel sendo usado como sinônimo de assédio, eu queria pedir pra que nós homens também não sejamos MIGUÉIS e que assumamos nossos filhos e famílias. Porque abortar pra gente que só colocou o pau é muito fácil, só fazer igual ao covarde do meu pai e sumir.

Feliz dia dos pais.


Originalmente postado em: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10207889777815556&set=a.2510444433656&type=3